RESENHA O ar que ele respira - Brittany C. Cherry - Sussurrando Sonhos

Encontre aqui

aaaa

23 de junho de 2017

RESENHA O ar que ele respira - Brittany C. Cherry

Nome: O Ar Que Ele Respira /  Autora: Brittainy C. Cherry /  Editora: Record / Páginas: 308 / Ano: 2016 / Gênero: Romance /  + 18 anos Compare&Compre: Saraiva - Submarino - Amazon / Resenha feita por Ana

Sinopse: Tristan Cole está prestes a fazer uma viagem que vai mudar sua vida. Ele vai para Nova York com seu pai para fecharem um contrato para enfim alcançar o sucesso com seus móveis artesanais, ele se sente tão bem! Tem uma família linda e está prestes a conquistar a carreira dos sonhos. Mas num piscar de olhos, uma mensagem, um único momento destrói tudo. Ele está perdido, sua esposa e seu filho, sofreram um grave acidente e não resistiram.
Do outro lado da vida está Elizabeth, que perdeu o marido recentemente e agora luta para superar o luto e cuidar da sua filha, a pequena Emma que lhe dá forças para prosseguir. Ela passou um ano na casa da mãe, mas tomou a decisão de reerguer sua vida e voltar para seu lar.
Como superar uma dor irreparável? Como acreditar que pode existir um recomeço? Uma segunda chance? Para Tristan a resposta é não existe recomeços, nem superação. Para ele sua vida se resume em solidão, e nada mais. Mas para Elizabeth a vida merece uma segunda chance, respirando um pouquinho de cada vez as coisas podem dar certo. Os caminhos deles vão se cruzar, e suas vidas vão mudar, e talvez exista um espaço para um recomeço.

 “Num piscar de olhos, num breve momento, tudo que eu sabia sobre minha vida mudou.  

Vai ser um desafio colocar em palavras tudo que senti quando li esse livro, mas vou tentar. Nele somos apresentados a Tristan e Elizabeth duas pessoas marcadas pela perda, pela dor. Tristan perdeu sua esposa e seu filho e agora vive em uma pequena cidade, Meadows Creek, onde consegue evitar a todos e viver em sua solidão. Ele tem a aparência desleixada, barba e cabelos grandes, que associados a sua personalidade atribuem a ele a imagem de perigoso. Já Elizabeth resolveu voltar morar com mãe depois que perdeu seu marido. Diferente de Tristan ela tem a pequena Emma, que lhe dá forças pra continuar a vida. Quando ela resolve voltar para sua cidade, Meadows Creek, conhece Tristan, um puto, nas palavras de Elizabeth rs. Ele é grosso, arrogante e mal educado, isso a irrita. Mas existe algo em seu olhar, uma dor que só Elizabeth consegue ver, a dor que ela também carrega.


“Eu o enxergava além da raiva em seu olhar, percebia a dor em sua expressão severa. Via seu coração arruinado, que de alguma forma se parecia com o meu. ” Pág. 78

Isso é o suficiente para que ela tente se aproximar, afinal de contas ela precisa de alguém que entenda o que sentir despedaçado, ela precisa de alguém que entenda sua dor. Só que Tristan não quer isso, pois para ele a melhor forma é se isolar, não ter contato. Ele não quer amizades, muito menos a de Elizabeth. Ela não desiste dele, e por causa disso, quis socar Tristan por ser tão grosso, ou socar Elizabeth por não desistir. Mas eles aos poucos se conhecem e compartilham sua dor, se arriscam em nome dela.


“O ar que ele expirava se confundia com a minha inspiração, se tornava minha cura. ” Pág. 185


Ao mesmo tempo tentam encontrar forças para não se entregarem ao seu abismo convidativo. Essa luta deles é impactante, você sente a aflição de cada um, o desespero, e se desespera junto. Confesso que meu coração doeu por varias vezes, tinha vontade chorar, vontade de abraça-los (principalmente o Tristan haha).

“Os pequenos momentos de felicidade compensam a dor, e o caos do coração podem ser colados novamente. Quer dizer, sempre fica uma cicatriz ou outra, e, às vezes, as memórias do passado te queimam por dentro, mas são uma lembrança de que você sobreviveu. É esse fogo que nos faz renascer. ” Pág. 191

Sentir o que o personagem sente esse pra mim é um dos maiores feitos de um autor, conseguir te transportar de uma maneira tão incrível que você chora e sorri como se fizesse parte da vida que acontece ali, isso é magnífico! E a Brittany C. Cherry fez isso com maestria. Já nas primeiras páginas eu sabia que esse seria um livro que iria me marcar. A narrativa se alterna entre Tristan e Elizabeth e isso te faz entender cada personagem. Por muitas vezes me peguei pensando se não faria o mesmo que Tristan, se não me fecharia para o mundo se sentisse tamanha dor. Ou se me manteria acreditando na vida como Elizabeth, respirando um pouco de cada vez, se me manteria sã por alguém que eu amo.

“Você precisa saber o que é se sentir fraca pra encontrar forças novamente. ” Pág. 225


A autora também brilha dando espaço e atenção aos personagens secundários, que te cativam tanto quanto os protagonistas. Eles ficam com a “função” de trazer momentos leves e engraçados a trama, adicionando boas risadas à leitura. Ou com a “função” de ferrar geral, confesso que foi a única parte que me incomodou um pouco, mas só um pouco.

“Às vezes, a vida é estranha. Você só precisa aprender a lidar com as esquisitices dela e encontrar algumas pessoas igualmente estranhas que vão te ajudar a seguir em frente. ” Pág. 216

Alerta vou soar clichê: O momento de superação que eles vivem é lindo! Vocês precisam conhecer, precisam ler esse livro. Ele mostra o lado feio da vida, o que o sofrimento pode fazer com alguém, mostra o que acontece quando damos espaço para que ele controle nossa vida, ou o que restou dela. Mas ele também mostra o amor, o companheirismo, mostra como é mais fácil quando encontramos alguém pra dividir nossos fardos, quando decidimos nos abrir e deixar que o sofrimento saia.

“A magia está nos pequenos momentos. Nos pequenos gestos, nos sorrisos gentis e nas risadas silenciosas. A magia é viver todos os dias e se permitir respirar e ser feliz. Meu querido, a magia é amar.”

Tem uma música que eu tenho certeza que você conhece (se não, em que planeta tu vive hein?! Haha) Photograph, do Ed Maravilhoso Sheeran, que pra mim foi feita pra esse livro. Vou deixar um trecho dela pra vocês entenderem

Loving can hurt
Loving can hurt sometimes
But it's the only thing that I know
And when it gets hard
You know it can get hard sometimes
It is the only thing that makes us feel alive

~~~~~~~~

Loving can heal
Loving can mend your soul
And it's the only thing that I know
I swear it will get easier
Remember that with every piece of you



Amar pode doer
Amar pode doer às vezes
Mas é a única coisa que eu sei
Quando fica difícil,
Você sabe que pode ficar difícil às vezes.
É a única coisa que nos mantém vivos

~~~~~~~~

Amar pode curar
Amar pode remendar sua alma
E é a única coisa que eu sei.
Eu juro que ficará mais fácil
Lembre-se disso em cada pedaço seu


Dá um google aí, e escute essa música inteira. Vale a pena! Um beijo e até logo ♥ 










Me siga no instagram: @Livre.le

20 comentários:

  1. Preciso urgentemente ler esse livro, ele está na minha meta a algum tempo, mas depois dessa resenha tenho que procurar para ler logo. Adorei a sua resenha Ana.

    Beijos,
    Garota Perdida nos Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada ❤️ Leia mesmo, dê uma chance que ele vai roubar teu coração. Depois conta pra gente o que achou.
      Um beijo ��

      Excluir
  2. Ai, que barra que esses protagonistas passam. E eu entendo bem o lado de Tristan de se isolar, embora não ache essa a melhor decisão.

    O livro parece bom! Adorei a sua posição e resenha. Abraçao.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eles enfrentam uma barra e tanto viu?! Também me questionei sobre a atitude dele, mas conforme a leitura avança você consegue entendê-lo ainda mais <3
      Fico extremamente feliz sabendo que gostou!
      Um beijo <3

      Excluir
  3. Amei a resenha Jhenny, estou ansiosa pra compra-lo, só ouvi e li coisas boas sobre esse livro <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii eu sou a Ana, nova colunista do blog! Fico feliz que tenha gostado, assim que puder dê uma chance a essa leitura sensacional.
      Um beijo <3

      Excluir
  4. Ooi adorei a resenha, ainda não li o livro, mas fiquei com vontade, o enredo me cativou bastante.
    beijos bom final de semana
    bellapagina.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Que bom que você gostou. Dê uma chance a ele, e eu vou torcer pra que você ame tanto quanto eu.
      Beijos ;*

      Excluir
  5. Oi! Estou ansiosa para ler esse livro, a história parece ser linda e todos elogiam a escrita da autora. Parabéns pela resenha. Seguindo o blog, bjos <3

    Click Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Este livro foi minha primeira experiência com a autora e eu me apaixonei. Obrigada!
      Beijos ;*

      Excluir
  6. Uauuu! Será que vou gostar <3 A resenha está excelente !

    literalmentefalando.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada ♥ Tomara que goste viu!
      Beijos ;*

      Excluir
  7. Resenha linda, amiga!
    Eu tô louca pra ler esse livro, e talvez eu o coloque depois da minha leitura atual. Essa de "puto" me deu um bom incentivo.
    Porém, sua resenha acabou me dando alguns porquês, e agora vou precisar saber e tirar as minhas próprias conclusões! haha

    Beijnhos, amore!
    Luar de Livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!
      Hahaha ele é um puto que vira Pluto ♥
      Estou curiosa pra saber o que vai achar hein?! Depois compartilhe com a gente sua experiência ♥
      Beijos ;*

      Excluir
  8. Ah já vi resenha desse livro! Top demais!
    bj
    www.omundodatutty.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá ♥ Ele é maravilhoso viu!
      Beijos ;*

      Excluir
  9. Já estou seguindo também sua fofa, e vamos trocar opiniões.
    Só vejo resenhas positivas desse livro, então fazer o que né!! Só me resta anota-lo na minha infinita lista de desejados, rs,rs.
    Adorei sua resenha e os quotes, bjus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Flor, fico muito feliz.

      Siim esse livro é maravilhoso e vale muito a pena ler e não perca tempo kkkk.

      A resenha foi feita pela minha colunista e fico muitoooo grata por ter gostado, um beijão.

      Excluir
  10. Nossa esse livro realmente e maravilhoso principalmente com o final que teve bjs!
    Doce Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siim! O final arranca suspiros não é mesmo ♥
      obrigado por passar por aqui, bjos!

      Excluir

Olá! Fico muito feliz com a sua visita no blog e também pôr se dispor a comentar meus posts, isso significa muito para mim. Seja muito bem-vindo(a)!

Aviso:

- Os comentários são de responsabilidade de seus respectivos autores!
- Não é permitido links que redirecionam diretamente para um post, vídeo ou sorteio. Comente porque gostou e não para se promover (além de ser chato é feio!) Comentários que tenham esse tipo de links serão removidos;
- Manter o respeito é fundamental. Nem todos vão ter opiniões semelhantes, mas devemos respeitas todos os pontos de vistas. Nada de ofensas ou palavras de baixo calão. Educação em primeiro lugar;
- Seu comentário é muito importante para o crescimento do blog e é um grande incentivo para mim e me deixa muito feliz, deixe a sua opinião, dicas, elogios, sugestões e criativas (com fundamento);
- Deixe a opção "Notifique-me" marcada para ser notificado (a) quando eu responder seu comentário;
- Deixe APENAS link do seu blog para que eu possa visita-lo. Comentários cheios de links também serão removidos;

Muito obrigada e fica à vontade para interagir.
“Assim como o sol derrete o gelo, a gentileza evapora mal entendidos, desconfianças e hostilidade. “ (Albert Schweitzer)