[Resenha] Unexpected Reality - Kaylee Ryan - Sussurrando Sonhos

Encontre aqui

aaaa

17 de setembro de 2017

[Resenha] Unexpected Reality - Kaylee Ryan

 Nome: Unexpected Reality / Autora: Kaylee Ryan / Ano: 2016 / Gênero: Romance / Classificação: 4 ⭐ / Leia Aqui!!!

Sinopse: ESPERE O INESPERADO. 
Isso é o que eles dizem, mas é mais fácil dizer do que fazer. Como esperar por uma mudança tão grande que balance o seu âmago?
 Como se preparar para um evento que vai mudar a sua vida para sempre?
 Uma respiração. 
Um segundo.  
Um minuto. 
Uma hora. 
Um dia de cada vez, assim você aprende a viver com a sua Realidade Inesperada.

Melissa perdeu os seus pais adotivos, sua única família foi tirada dela inesperadamente, ela fez de tudo para retribuir o amor que eles deram, mas e agora? O que vai fazer se o seu mundo foi tirado dela? E é nessa noite que ela conhece Ridge, um homem lindo de tirar o folego, tatuado, ele a convidou para se juntar com os seus amigos e uma atração nasceu, ele seria a pessoa que faria ela esquecer por algumas horas a sua tristeza, mas ela nunca fez sexo casual, entretanto, essa noite ela faria de tudo para esquecer a sua dor e isso é o que acontece, eles dormem juntos, mas quando ela acorda ela simplesmente vai embora, não iria suportar ser rejeitada depois dessa incrível noite, então ela some sem explicação, inexplicavelmente some do mapa (no caso do livro), desde então não temos nenhuma notícia de Melissa



Ridge não entende o que levou Melissa a sumir assim no meio da noite, passa meses e ele ainda não se esqueceu daquela noite, não se conforma com essa tal atitude. Após um dia de muito trabalho, Ridge encontra uma moça no meio da estrada com muita chuva e com o seu pneu furado, como um homem cavalheiro ele não poderia deixar essa moça amparada no meio de uma estrada e é nessa noite que tudo muda. A moça se chamava Dawan, uma enfermeira do hospital da sua cidade, ela é nova e claro fica encantada e muito agradecida pela ajuda desse grande homem, porém não acaba as surpresas, mas a frente ele encontra um carro capotado com uma moça desmaiada dentro dele, imediatamente chama o resgate e sente que não pode deixar essa mulher sem saber como ela está, então ele os acompanha até o hospital, mas infelizmente ele não pode saber nada dessa mulher, porque ele não tem vínculo com ela. 

Ridge acaba recebendo uma ligação do hospital e ele fica muito preocupado, será que aconteceu alguma coisa com os seus pais? Sua irmã? Ou seus amigos? Desesperadamente ele vai para recepção e descobre que aquela moça do acidente era Melissa e que ela está em estado grave e que o seu número e o seu nome estavam nos registros de emergência.

Mas o que acontece quando a vida te surpreende de uma forma inesperada?

Foi o que aconteceu na vida de Ridge, ele conheceu Melissa em uma noite em um barzinho bebendo sozinha, uma noite, apenas uma noite que mudou tudo em sua vida, um amor que nunca imaginou sentir tão rapidamente, uma responsabilidade apenas dele, um amor que não sabe nem explicar, uma metade sua que seria o seu tudo, quando se tornou pai. 

Além de Melissa estar gravemente ferida ela está gravida de 8 meses e que ele é o pai, Melissa estava indo encontra-lo para contar, mas escreveu uma breve carta para que se ela perdesse a coragem de lhe contar ela deixaria a carta, ele sabe que ela não está mentindo, ele sentia que aquele bebê era dele, ele seria  Pai, ele era Pai

Ridge nunca negou isso, pois ele sentia que ele era dele, mas Melissa tinha que ser forte e acordar, não só ela está lutando pela vida e sim aquele bebê dentro de sua barriga, e os dois teriam que lutar. O seu filho nasce quando ele está em perigo e tudo o que ele vê é aquele bebê indefesso e minúsculo, um amor e reconhecimento vem com força total. 














E quando ele vai para a maternidade ver o seu filho é fascinante, imaginar aquele homem grandão pegar um bebezinho tão novinho, foi emocionante, ele fez aquele contato pele a pele, deu a sua primeira mamadeira e tudo para ele foi surpresa e novo, mas ao mesmo tempo fascinante e naquele momento ele já o amava e séria tudo para aquele garoto, ele era parte dele, ele era o seu tudo. 


Mas infelizmente ele teria que criar seu filho sozinho, Melissa acorda e vemos aquele primeiro contrato de mãe é filho é de explodir o coração, como referia Melissa, aquele bebê é o seu milagre, não tenho palavras para definir. Porém apenas uma foto ficou para a recordação, uma única miséria foto ficara para recordação. O momento mais triste do livro é saber que o bebê vai crescer sem ter a sua mãe ao seu lado, uma mulher que sempre sonhou em ter a sua família não poderá se realizar, não poderá viver o seu milagre, a vida as vezes judia, ela é injusta e inesperada. 



Mas aquele bebê terá um pai que se tornaria uma mãe, que fará os dois papeis, pois para Ridge aquele carinha era o seu mundo, o seu tudo, a sua metade. Nunca li um livro que o pai que cuidaria de seu filho recém-nascido, a sua família em todo momento está com ele e o ajuda no que é possível, mas ele não quer que cuidem do seu bebê, pois ele era dele, responsabilidade dele, então ele iria cuidar do seu homenzinho. 

Espere o inesperado.
 Isso é o que eles dizem, mas é mais fácil dizer só que fazer. 
Como você espera que uma mudança seja tão grande que você rompe seu núcleo? 
Como você se prepara para um evento que irá alterar sua vida para sempre? 
Uma respiração 
Um segundo 
Um minuto 
Uma hora



Muitos iriam jogar essa responsabilidade em cima de outras pessoas, ou até falariam que não iriam conseguir cuidar de um bebê sozinho, mas não para Ridge, ele tem noites que não dorme para cuidar do bebê, faz as suas mamadeiras, ele até banha junto com esse nenezinho, uma mãe de primeira viagem, ele leva o seu filho para a primeira consulta, tudo que uma mãe faz ele fez. E detalhe, é apenas Ridge e Knox seu filho, apenas os dois morando em uma casa. 

O que mais amei disso tudo foi a união da sua família e amigos, amo ver isso em um livro, seus pais, sua irmã e os seus amigos, fazem de tudo para ajudar Ridge, vamos dizer que Ridge é uma grande mãe. E ele se entrega de corpo e alma e sabe que quando for encontrar uma mulher, uma esposa não será qualquer uma, pois terá que amar tanto ele quanto o seu filho e nem todas estarão dispostas para isso. 


E é nesse período que ele conhece a enfermeira Kendall, uma linda mulher, que com o tempo desperta uma atração por ela. Ele percebe que ela gosta de crianças apenas pelo fato de ter o maior carinho com Kinox em sua consulta do mês e será que vai nascer um amor aí?  

Kendall teve uma grande decepção amorosa, uma relação que a devastou e a feriu profundamente e pensou que jamais encontraria o amor novamente até que sua vida ser cruzada com a de Ridge, um pai amoroso, lindo e dedicado, tudo o que uma mulher sonharia. 

Os dois começam a se aproximar e uma paixão nasce por Ridge e claro por Kinox, um bebê tão lindo, porém, ela não pode assumir esse amor, pois não quer ser consolo de Ridge desde que ele perdeu o seu grande amor e acha que ele não está preparado para um relacionamento, e nem sabe ela que está pensando totalmente errado e que Ridge está de olho nela também. 

O amor deles nasce na convivência, na amizade e isso é bonito de se ver, o amor que ela sente por Kinox que nem é filho dela é lindo, aliás o livro é lindo. 



Ele é bem rápido de se ler, porém teve algumas coisas que aconteceu muito rápido, ele é recheado de comunicações e senti falta de alguns pensamentos dos personagens em relação as conversas e as vezes me sentia perdida, mas nada que possa comprometer a leitura. Ele foi traduzido por fãs e tudo o que aconteceu foi uma surpresa, porque eu não esperava tanta emoção. O livro é narrado por Melissa, então tivemos a oportunidade de conhecer essa mulher com tantas feridas e não me conformo com o seu destino, e é narrado por Ridge e por Kendall e os capítulos são curtos e interligados, então a leitura é bem rápida e gostosa. 

No começo do livro foi bem emocionante, estava lendo na sala e tive que disfarçar minhas lagrimas hahahaha e detalhe; na sala estava com os meus pais e meu irmão, então tentei esconder o máximo. Eu amei o livro e principalmente o Ridge, ver aquele homem com seu filho foi espetacular e o seu bebezinho é a coisa mais fofa do mundo e acompanhamos o seu crescimento, o seu primeiro sorrisinho e o seu primeiro aniversário. Kendall é uma personagem cativante e linda, ela ama aquele bebê como se fosse seu e vemos a cada página o seu vínculo crescendo. 

Li esse livro sem ler a sinopse e fui ler ela apenas quando fui fazer essa resenha, ler as vezes um livro sem saber o que vem é muito interessante, e para a minha felicidade esse livro não é hot, inclusive nem tem como quando se tem um recém-nascido para cuidar e acredito que vocês iram amar como eu amei.

Essa estória é cheia de surpresas, superação e amor, um amor que apenas quem é pai e mãe sabe o que é, emocionante e imprevisível, e na reta final algo acontece que surpreende todos nós, não gostei muito dessa parte e acredito que deveria ter sido mais trabalhada, porém não deixa de ser uma bomba ou uma surpresa, achei muito lindo as atitudes de Ridge e convido a todos a ler esse lindo livro, que tanto me surpreendeu e me fez me apaixonar por cada personagem. 

Com certeza Ridge é o melhor pai literário que eu conheci e Kinox é o bebê mais delicia dos livros que eu li. Vão simplesmente adorar essa leitura deliciosa. 

"Eu olho para ele enquanto mama. Eu nunca vou conseguir descrever essa sensação no meu coração, a maneira como ela cresce toda vez que olho para ele. Amar seu filho é um sentimento desconhecido até que você tenha o seu. Você nunca vai conseguir compreender o real significado. São momentos como esses, como essa manhã, onde eu e ele passamos por isso juntos, que me faz pensar que, apesar de ser tudo inesperado, meu homenzinho e eu aprendemos a viver com nossa realidade. "



“Você a encontra, espera. Encontrei ela e não vou deixar ir.”


O homem pequeno estremece e exalta uma respiração profunda, quase como se estivesse relaxando. 
Meu coração fodido derrete, como um humano minúsculo pode causar tanta emoção?


30 comentários:

  1. Olá, tudo bem?
    Muita responsabilidade para Ridge cuidar agora do filho depois do que aconteceu com Melissa, a mãe do bebê e seguir a vida em frente, adorei sua resenha, muito linda a dedicação de Ridge ao bebê apesar de não saber ao certo no começo o que fazer e os laços fraternais se formando aos poucos. Arrasou na escrita da resenha e ao retratar a história. Kinox é um bebê muito fofo, espero um final feliz para eles! Uma história triste porém bonita ao mesmo tempo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carmam, estou bem. :)

      Foi muita responsabilidade e ele abraçou isso de todo o coração, o bebe Kinox é perfeição pura, da vontade de ir lá e apertar e encher de beijos hahahaha.

      O livro é lindo é tem muitas emoções, mas sorrisos são tirados de monte e tenho certeza que vai amar.

      Um grande beijo e leia assim que puder hahha

      Excluir
  2. Ah menina, que emoção você me fez sentir ao ler essa resenha. Tocou tanto o meu coração, que história triste, porém tão linda. Ridge é o exemplo de homem que todos deveriam ser. Eu amei muito as suas palavras e darei um jeito de ler esse livro.

    O Reino das Páginas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Kalyne, ele é todo cheio de emoções hahaha e fico muito feliz por ter transmitido um pouco disso para você pela resenha. Ridge é um exemplo de homem e de pai que em meio a inseguranças e inexperiência enfrentou tudo com muito amor. Lei que tenho certeza que vai amar.


      Muito obrigada pelo carinho. Um beijo

      Excluir
  3. Adorei a resenha, não conhecia o livro, parece lindo. Eu sempre leio livros sem ler a sinopse, mania rs.

    Esse pai além de lindo parece um ótimo pai, pena a criança perder a mãe. Fiquei com vontade de ler

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ariane!!!!

      Que bom que você gostou, fico muito feliz. Esse foi o primeiro sem sinopse e acho que irei fazer isso mais vezes hahaha

      Ele é um maravilhoso pai e foi lindo ver ele aprendendo essa tarefa tão difícil com tanto amor, fiquei muito triste quando descobri isso. Leia que você vai amar é muito lindo.

      Um grande beijo.

      Excluir
  4. Ola flor! Uou que reviravolta de história para um livro só! Pera deu nó no cérebro! Caraca! Eu lendo sua sinopse fiquei meia tonta, imagina no livro haha. Uma criança é um milagre mesmo! Quem não se derrete? E atire a primeira pedra quem nunca leu um livro sem ler a sinopse? Eu faço isso 80% das vezes haha
    Amei a resenha!
    bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gisele!!! Siiimmm,foi surpresa em cima de surpresa, cada acontecimento uma emoção, ele é lindo e Kinox é um bebê lindo demais hahaha. Vai amar essa leitura. Kkkkkkk vai dar no seu cérebro quando estiver lendo.

      Preciso ler ais livros sem a sinopse hahaha.

      Beijinhos

      Excluir
  5. Adoro suas resenhas, Jhe! Nunca tinha visto esse livro, é bastante emocionante, não costumo ler por e-book, eu sempre demoro.

    beijinhos, Jenni

    sinopsedoslivrosjenni.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gosto, fico muito feliz! eu também não conhecia e fiquei muito surpresa por amar tanto, eu leio muito mais e-books por não ter condições de comprar os físicos, mas eu me acostumei, então a leitura sempre flui.

      Beijonossss

      Excluir
  6. Oi tudo bem?
    Aí preciso desse e-book agora haha adoro romances que tragam amores reais daqueles que podemos nos encontrar daqueles que vão nascendo no dia a dia.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tais, estou bem!!!

      Precisa sim e tenho certeza que você vai amar, ele é lindo. Me conte depois como foi essa leitura.

      Beijinhos

      Excluir
  7. Olá
    Julgando pela capa eu não pegaria o livro, mas vendo sua resenha até que achei a história bem bonita, esse cara conseguiu meu respeito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Daniele!!!! Não julgue um livro pela capa kkkk (apesar de eu julgar eu sempre quebro a cara) eu fiquei bastante intrigada pela capa, mas leia sim, vai amar tenho certeza.

      Um beijo

      Excluir
  8. Você escreveu a resenga com muita emoção. Passou toda a sensibikidade da história, que me parece ter muitos monentos de sofrimento e perdas, mas também de superação e principalmente de amor. O amor de pai aparece muito forte e me parece ser o cerne principal do livro. Parabéns, despertou a curiosidade pela história.
    www.danuzaeoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii Danuza, fico muito, muito feliz que tenha gostado.

      Essa leitura vai te despertar vários sentimentos, ele é lindo e o melhor é o amor entre um pai e um filho.

      Espero que goste.

      Um beijo

      Excluir
  9. oiii tudo bem??

    Juro que quando vi a capa não me interesse, mas não imaginava que carregava uma historia tao bonita. Estou com muita vontade de ler.
    Adorei a resenha.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rafaella!!!

      Eu entendo hahaha e no meu caso eu fiquei interessada pela capa, eu também e tudo foi uma surpresa para mim. Leia que você vai amar.

      Beijos

      Excluir
  10. Jhenny, que resenha maravilhosa é essa? Uma das resenhas mais completas que eu já li. Amei demais, sério. Não imaginava que esse livro tivesse uma história tão linda, eu não o conhecia. Mas pela suas impressões vi que é uma história com muitas perdas e triste, quero demais ler ele agora. Fiquei na pura curiosidade. Quero um Ridge na minha vida, com certeza deve ser um pai maravilhoso <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiii Drenda!! OWN Obrigada kkk fico muito feliz que tenha gostado!

      Ele é um livro muito emocionante e lindo, foi uma leitura surpreendente e não esperava gostar tanto. Vai amar, leia assim que puder!!

      Um beijooo


      Excluir
  11. Oi Jhenny.

    Que história linda que você mostrou na sua resenha. Realmente é para emocionar e já adicionei na minha lista de desejados, pois encontrei informações valiosas que merece lê-las. Parabéns pela resenha e pela dica.

    Bjos

    ResponderExcluir
  12. Oi, Tudo bem?
    Me parece um história bem tocante adicionei ele na minha listinhas, é algo bem diferente das minhas leituras mas eu gostei da sua resenha e quero experimentar algo novo. Parabéns!

    Abraços, Jose Marcos.

    ResponderExcluir
  13. Jhenny você é mestre em achar livros incríveis hein. Essa história parece ser muito emocionante e diferente do casual. Sua resenha está maravilhosa. Confesso que fiquei com muita vontade de ler. Totalmente surpreendente. beijos.

    Blog:

    http://naturezaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi fofura!
    Que história mais intensa! Fiquei imaginando ele todo grandão segurando o bebê em uma mão!hehe
    Amei!
    Beijinhos

    Resenhando por Marina

    ResponderExcluir
  15. Caramba em um primeiro momento pensaria que esse era um livro hot, mas lendo suas palavras percebi que está mais para um romance dramático. Achei que você liberou muitas informações sobre o enredo, acho que o leitor não terá as mesmas surpresas que vc teve ao ler, mas enfim o importante é que mesmo assim a história me pareceu bem interessante e emocionante; então eu leria com certeza.
    A história parece ser bem desenvolvida e os personagens bem reais.
    Gostei da dica. Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  16. Jhenny, sem brincadeira, eu não sei como você pode fazer essas resenhas tão maravilhosas.
    Eu juro, no início (não leio sinopses), eu jurava que não ia gostar porque não imaginava que a garota iria morrer, e logo conclui que seria bem clichê porque eles ficaram uma noite e já se apaixonam. Quando li que ela morre, te juro, li aquilo umas quatro vezes. Ainda estou chocada.
    Não queria que ela morresse, mas preciso dizer que acho que o romance entre ele e a enfermeira, por ser construído gradativamente, deve ser maravilhoso.
    Agora, preciso falar dessa relação de pai e filho. Quero muito ler o livro porque deve ser muito lindo e muito fofo. Estou realmente encantada.
    Sério, eu quero muito ler este livro.
    Adorei a sua resenha. Ficou maravilhosa!
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  17. Que resenha completa, Hein? Parabéns! Nunca li nada assim e achei uma ideia bem original, uma história voltada para a relação entre pai e filho, incrível! Vou buscar sim realizar a leitura, é um livro que merece ser lido!

    ResponderExcluir
  18. Olaá!
    Nossa! Que resenha emocionante! Logo de cara a capa me chamou a atenção e eu estava amando a sinopse até descobrir q a Melissa n vai continuar na história. :( Pois é, eu n dou muito certo pra ler histórias em q um casal aparentemente apaixonado se separa e durante o msm livro algum dos personagens começa outro romance, eu acho q é escolha da autora, mas esse tipo de história n funciona muito pra mim. Mas apesar disso, eu fiquei tão curiosa q vou dar uma chance pro livro.
    Eu geralmente começo os livros sem ler a sinopse tbm mas as vezes é bom ler uma boa resenha ;)
    Já q vc gostou do relacionamento pai e filho, eu acho q vc vai gostar muito do livro "The Gravity of Us" da Brittainy C Cherry. Ele retrata um pai solteiro tendo q cuidar do filho recém nascido tbm. E é muuuito lindo. Um dos meus preferidos da vida!
    Bjocas

    ResponderExcluir
  19. Olá,
    Eu não conhecia o livro, mas já fiquei aqui louca querendo fazer a leitura.
    Meus olhos encheram de lágrimas com todos os acontecimentos da trama e fiquei imaginando você disfarçando as lágrimas kkkkkk
    Ainda bem que estou em casa sozinha e não preciso fazer isso.
    Adorei como sua resenha abordou o desenvolvimento da obra e todas as mudanças que Ridge passa.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  20. Eu não conhecia esse obra, mas acho que parece ser uma leitura bastante comovente, eu gosto muito de livros assim. Eu também me incomodo quando falta um pouco do pensamento dos personagens, pois acho bom poder acompanhar o que eles sentem sobre as situações do livro. Mas se você diz que isso não chega a atrapalhar, então não há problemas.

    Tatiana

    ResponderExcluir

Olá! Fico muito feliz com a sua visita no blog e também pôr se dispor a comentar meus posts, isso significa muito para mim. Seja muito bem-vindo(a)!

Aviso:

- Os comentários são de responsabilidade de seus respectivos autores!
- Não é permitido links que redirecionam diretamente para um post, vídeo ou sorteio. Comente porque gostou e não para se promover (além de ser chato é feio!) Comentários que tenham esse tipo de links serão removidos;
- Manter o respeito é fundamental. Nem todos vão ter opiniões semelhantes, mas devemos respeitas todos os pontos de vistas. Nada de ofensas ou palavras de baixo calão. Educação em primeiro lugar;
- Seu comentário é muito importante para o crescimento do blog e é um grande incentivo para mim e me deixa muito feliz, deixe a sua opinião, dicas, elogios, sugestões e criativas (com fundamento);
- Deixe a opção "Notifique-me" marcada para ser notificado (a) quando eu responder seu comentário;
- Deixe APENAS link do seu blog para que eu possa visita-lo. Comentários cheios de links também serão removidos;

Muito obrigada e fica à vontade para interagir.
“Assim como o sol derrete o gelo, a gentileza evapora mal entendidos, desconfianças e hostilidade. “ (Albert Schweitzer)